Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Roteiro de Sabores

Como desfrutar de um vinho à temperatura ideal

disfrutar-vinho-temperatura-ideal.jpg.

Vinho Branco Refrescante

 

Existem várias formas de refrescar ou aquecer uma garrafa de vinho, nem sempre o método usado é o mais correcto, vejamos:

  • Em regra, uma forma prática de refrescar uma garrafa de vinho é colocá-la no frigorífico ou no congelador, porém, não é o melhor método. Por exemplo, deve optar antes por submergir a garrafa num balde, o qual deve conter em igual quantidade água fria e gelo – desta forma em breves minutos, não mais de sete ou oito minutos é possivel fazer baixar a temperatura de 18º ou mais graus para 3ºC. Se o recipiente (balde ou outro que o substitua) for pequeno, pode e deve virar a garrafa de gargalo para baixo, inicialmente, voltando-a após alguns minutos, para assegurar que o arrefecimento é homogéneo. Pode igualmente utilizar um saco refrigerador (manga refrigeradora) que, colocado previamente na arca, envolve a garrafa, refrescando-a rapidamente.
  • Caso não desfrute de utensilios para refrescar o vinho, pode optar pelo método tradicional , ou seja, colocar o vinho no frigorífico várias horas, para ser servido bem gelado. A temperatura obtida através de qualquer dos métodos já referidos, deve manter-se durante toda a refeição, ou seja, o vinho deve manter-se a uma temperatura adequada, por exemplo, com recurso a um balde com gelo (também conhecido como “frappé”), um saco refrigerador ou com recurso ao frigorifico na impossibilidade de recorrer a estes.
  • O vinho branco não deve estar demasiado tempo no congelador, porque desta forma acaba por perder qualidades, evidênciando um vinho desenxabido por ocultação do seu paladar. 

Vinho Tinto Aconchegante

  • Em regra, deve ser consumido à temperatura ambiente (16º a 18º C), o sitio ideal guardar para o vinho tinto é a sala de refeições, sala de jantar, onde irá ser servido, para que possa aquecer de forma natural e gradual. Se a casa estiver fria, deve optar por manter a garrafa na cozinha enquanto prepara a refeição.
  • Uma solução rápida e, muitas vezes, eficaz é uma vez mais o recurso a um balde, agora com água quente. Mergulhe a garrafa durante o tempo necessário, normalmente, sete ou oito minutos para fazer subir a sua temperatura, por exemplo, de 13ºC para 18ºC. Em alternativa, pode recorrer a uma toalha ou pano previamente embebido em água quente.
  • Um vinho sobreaquecido pode estragar por completo o néctar e a própria refeição. Não guarde ou coloque garrafas de vinho próximas de fontes de calor demasiado fortes, por exemplo, radiadores, fornos ou lareiras.
  • Caso o vinho necessite de respirar deve decantá-lo antes do aquecimento.
  • No Verão, um vinho tinto ligeiramente fresco é igualmente apreciado, até porque, naturalmente, o vinho atinge a sua temperatura ideal, caso opte por não recorrer a métodos de refrigeração.
  • Um vinho tinto fresco pode igualmente ser consumido freco por uma questão de gosto.

Vinhos e a Roteiro de Sabores

 

Venha disfrutar destas dicas nos néctares que acompanham os nossos cabazes:

 

 

Sigam-me

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D